Informamos que usamos cookies, como acontece na maioria dos sites. click here.
 
 
 
Home   ›   Caixas-ninho   ›   Aves pequenas - de chapins a pica-paus
Imprimir
Enviar a um amigo

Aves pequenas - de chapins a pica-paus

nestboxAs cavidades de nidificação naturais não apresentam tamanhos padronizados, pelo que, as dimensões referidas servem apenas como guia. Podes usar qualquer madeira com uma espessura de 15 mm, e que seja resistente ao vento e à chuva.
O esquema apresenta medidas para uma caixa pequena (valor à esquerda) e medidas para uma caixa grande (valor à direita). Escolhe as medidas da caixa grande para atrair estorninhos e pica-paus-malhados-grandes. Todas as outras aves preferem a caixa pequena.
O ponto mais baixo do buraco de entrada deve estar a pelo menos 125 mm do fundo da caixa-ninho. Se assim não for as crias poderão cair ou ser apanhadas por um gato. A parede por debaixo do buraco de entrada deverá ser irregular para ajudar as crias a subir e sair quando for tempo de deixarem o ninho.
Escolhe pregos e parafusos para montar a caixa-ninho e faz alguns buracos de drenagem na sua base. É preferível não tratar a caixa-ninho com produtos de proteção de madeira. Há medida que envelhece a caixa-ninho vai-se harmonizando com o ambiente à sua volta.
A caixa-ninho tem de ser limpa no outono, por isso não podes pregar a tampa. Para segurar a tampa usa uma dobradiça de latão ou de plástico, materiais que não enferrujam, ou então usa uma tira de cabedal ou de borracha (por exemplo parte de um tubo interno velho de um pneu de bicicleta).
O tamanho do buraco de entrada depende da espécie de ave que queres atrair:
• 25 mm para chapins-azuis e chapins-carvoeiros;
• 28 mm para chapins-reais e papa-moscas;
• 32 mm para pardais-comuns e trepadeiras-azuis;
• 45 mm para estorninhos.

Spring Alive is supported by

HC Group